• Joana Bicalho

Em quais redes sociais a minha empresa precisa estar?

Atualizado: 15 de jun.

Sua comunicação é dirigida ao seu público-alvo da maneira correta?


Sempre que se inicia um negócio existem algumas coisas a serem pesquisadas antes como: o produto, o nome e espaço da sua empresa, e a identidade visual. Mas pode ter certeza que uma das coisas mais importantes que você precisa saber, independente da instituição, é o seu público-alvo.


Veja bem, não apenas saber um pouco sobre, mas você precisa saber tudo! Porque quanto mais específica for a sua comunicação, mais resultado você terá.


Ilustração de momento na jornada de consumo

Como a Jornada do Consumidor influencia na presença digital da sua empresa?


Claramente, entender de verdade o seu cliente não é uma tarefa tão simples, as primeiras percepções vêm da pesquisa de mercado prévia que te fornece noção do macro e micro universo que circunda o negócio no qual você quer se inserir. Daí em diante é possível enfatizar na procura do público perfeito.


O que é a Jornada do Consumidor?


Trata-se literalmente da jornada de consumo da persona da sua empresa. Assim, é uma maneira perfeita de compreender qual o momento e local correto para abordar o consumidor já que se tem uma noção dos seus hábitos diários.


Ilustração de consumidor utilizando suas redes sociais

Então onde minha empresa deve estar?

Definir a presença digital da sua empresa é uma tarefa que vai depender da combinação entre o seu público-alvo e da linha editorial dos conteúdos que se produz. Veja bem, conhecendo a jornada do seu público-alvo você vai saber em que redes sociais ele vai estar e assim poder direcionar o conteúdo ou produto adequado não só aos gostos desse possível cliente, mas também nas condições em que são mais aceitáveis para a rede social em específico.


E como eu descubro meu público-alvo e persona?


É interessante tomar partido com uma pesquisa de buyer persona para encontrar um padrão, tanto de público como de perfis dentro do público. Este não é completamente homogêneo, no qual pode até ter preferências convergentes dentro de sua dimensão, mesmo que no final do dia todos comprem o mesmo produto.


A partir desse gesto de estudo surge sua primeira persona, ou seja, um personagem fictício que representa os seus consumidores e seus hábitos diários. É o jeito perfeito de combinar suas ações de promoção e outros aspectos do marketing e da marca com o público que vai te seguir. Diferentemente do Público-alvo, a Persona consegue ser mais específica ao evidenciar uma essência ainda mais profunda dos consumidores.

Porém o que realmente importa, é que você consiga resolver as dores do seu consumidor final. Para isso, a Rede® desenvolveu o Curso “Atendimento e Vendas: Converter, Encantar e Fidelizar'', com a intenção de te direcionar da maneira mais correta no mercado para lidar com seu público e outros stakeholders identificando a jornada de mídia e consumo.




17 visualizações0 comentário